Central de Mobilidade passa a receber denúncias de usuários do transporte público de Lauro de Freitas

Moradores de Lauro de Freitas que identifiquem problemas na prestação de serviço de transporte público de vans e micro-ônibus, podem fazer denúncias por meio do 156, número da Central Integrada de Monitoramento Urbano (CIMU), que funciona 24h. A ação é resultado de uma parceria firmada entre a Prefeitura e as cooperativas responsáveis por este tipo de transporte no município.

Um representante de cada cooperativa passa agora a integrar as equipes do CIMU, o que possibilita o encaminhamento imediato das reclamações recebidas pelos atendentes, dando maior celeridade à solução dos problemas. Por meio do 156, podem ser feitas reclamações referentes à má conservação ou falta de higienização dos veículos, muito tempo de espera nos pontos de ônibus, e o tratamento dado pelos condutores aos usuários, entre outras.

O CIMU também vai calcular, por meio de chips já instalados nos veículos, o tempo médio de cada viagem. “O monitoramento destes chips era feito apenas internamente pelas cooperativas, agora este acompanhamento será centralizado no CIMU, o que nos permitirá saber se toda a frota está circulando, e se os veículos estão cumprindo o horário programado”, destacou o secretário de Trânsito, Transporte, e Ordem pública, Smith Neto.

De acordo com o secretário, a ação foi iniciada com a TRANSLAUF, mas será ampliada para as outras cooperativas que fazem o transporte com vans e micro-ônibus. “Como teremos um representante das empresas no CIMU, o tempo de resposta será muito mais rápido. As denúncias serão apuradas e resolvidas ao final de cada roteiro, além disso, o denunciante vai ter um retorno de nossas equipes assim que o problema for solucionado”.

Para o diretor presidente da TRANSLAUF, Júnior Dória, essa ação marca o início de uma nova realidade. “Hoje, por exemplo, já recebi uma denúncia de um carro sujo, e já resolvemos. A gente começa a ser mais cobrado, o que é bom para nós e para a população. Estamos avaliando toda a nossa frota para ver o que tem que melhorar, como a limpeza dos carros, além de avaliar se o roteiro está sendo feito no tempo certo, ou porque está tendo atraso, quando ele acontece, tudo isso em interação com a Prefeitura”, afirmou.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s